Série Delta – Etapa Itália 5K: Resultado

Amigos corredores, mais uma prova realizada com sucesso. Corremos os 5K da Etapa Itália da Série Delta no entorno do Museu do Ipiranga e do Parque da Independência, hoje aqui em São Paulo SP.

Serie Delta Italia 2014 Dani e Flavio

Deu tudo certinho, mais uma vez. Retirada do kit ocorreu sem problemas no final do sábado na loja Decathlon. Até que ficou bom ali porque sempre dá pra dar uma olhada nos equipamento esportivos.

Serie Delta Italia 2014 Logo

Chegamos na arena por volta das 7h10 e a largada foi as 7h30. A temperatura de 19C estava agradável para correr. Tudo tranquilo para retirada do kit, uso do guarda-volumes e largada. Os pelotões funcionaram bem, embora eu continue sugerindo dar pelo menos 1 ou 2 minutos entre um pelotão e outro. Seria bem melhor.

Serie Delta Italia 2014 Percurso

Em parte tudo ocorreu com tranquilidade porque creio que havia um número reduzido de corredores, pois tivemos três corridas no mesmo dia aqui em São Paulo!

Serie Delta Resumo

Minha esposa e fiel parceira de corridas dessa vez estava junto. O objetivo era corrermos juntos no pace dela. Fomos sem pensar muito no objetivo de tempo de prova, mas se fosse possível tentaríamos um recorde pessoal para ela. O melhor tempo da Dani nesse percurso era 28’12” na Etapa Rússia em novembro de 2013, já o melhor tempo dela em 5K foi na Track&Field JK em outubro de 2013, com 27’43”.

Serie Delta Italia 2014 Cronometragem

A largada foi tranquila sem atropelas e a famosa subidinha já faz o coração disparar logo de cara. FIzemos o Km 1 em 6’06”, um pouco mais lento por causa da subida e do tráfego mais pesado de corredores. Logo no primeiro quilômetro a Dani pisou num buraco e torceu o tornozelo. Decidiu continuar assim mesmo, mas o tornozelo ficou doendo toda a corrida, o que evitou um ritmo mais forte, também.

No Km 2 já apertamos um pouco o ritmo e fechamos em 5’34” e o Km 3 quase igual, com 5’38”. O Km 4 tem um longa descida que ajuda bastante a recuperar o fôlego e diminui o desgaste. Na minha opinião essa é a grande vantagem desse percurso. Sempre se pode usar essa parte de descida para acelerar ou para recuperar. Conseguimos fechar o Km 4 em 5’19”, o que nos colocou em posição de tentar um recorde pessoal da Dani no percurso.

Apertamos um pouco o ritmo no Km final e conseguimos fechar em 5’05” terminando a prova em 27’40” no tempo oficial. Reduzimos em 32 segundos o tempo dela nesse percurso e conseguimos reduzir 3 segundos no recorde pessoal de 5K.

Tempo Líquido: 27:40
Número de Peito: 276
Ritmo: 05:32 min/km

Como sempre, para obter as fotos das provas acesse um dos sites abaixo:

Minha próxima corrida será no Circuito das Estações – Etapa Inverno  em 1 de junho lá no Pacaembu. Até lá!