Correr com Música?

Essa é uma questão bem pessoal. Tem gente que ama correr ouvindo música e outros detestam. Eu sou totalmente viciado em correr com música, em geral prefiro uma trilha bem movimentada com bpm (beats per minute – batidas por minuto) alto e em geral música eletrônica.

Mas existem prós e contras, como sempre. Veja abaixo alguns deles.

Vantagens: 
Geralmente a música deixa a corrida mais fácil. Alguns estudos mostram que ouvir música ao correr reduz em 10% a percepção do esforço que você está fazendo. Estímulos externos, como a música, bloqueiam alguns dos estímulos internos que estão tentando atingir o cérebro, por exemplo, os músculos e órgãos informando sobre a fadiga. Quando essas mensagens são bloqueadas, a sua percepção de esforço é atenuada, assim você sente que pode correr mais e mais rápido. Entretanto, quando seu corpo chega a níveis elevados de esforço o cérebro desliga involuntariamente a atenção aos estímulos externos e foca nos internos.

A música também melhora o seu ânimo, aumentando o prazer e excitação durante a corrida. Além disso, reduz aspectos negativos como tensão e fadiga, podendo ser usada como uma preparação pré-prova para que você atinja um estado de espírito ideal para a corrida.

Desvantages:
Um dos problemas de ouvir música ao correr é que você deixa de ouvir os ruídos intrínsecos da corrida, como a sua respiração e o das suas passadas. Estes ruídos podem dar dicas importantes sobre seu desempenho. Outro aspecto é que correr ouvindo música acaba isolando você do ambiente externo, o que pode ser perigoso. Você pode não ouvir um carro se aproximando ou a presença de outras pessoas. Nas provas você acaba não ouvindo os corredores a sua volta e também não ouvirá as instruções do pessoal que organiza a corrida. Seu tempo de resposta pode ser reduzido quando se depara com possíveis incidentes ou percalços durante a corrida.

Por fim, acredito que a música acaba gerando uma dependência e se não tiver a trilha sonora pra correr você pode ficar desanimado. Isso acontece muito comigo.

O importante é praticar o esporte e buscar uma vida saudável. Escolha a opção que mais lhe dá prazer: com ou sem música o importante é correr!

Checklist do Corredor de Rua: lista para não esquecer nada no dia da corrida

É muito desagradável chegar no local da corrida, momentos antes da largada, e perceber que esqueceu algum acessório importante. Não importa se é algo menos importante como um boné, ou algo essencial como o seu tênis de corrida. O fato é que o esquecimento estraga a sua prova e gera muita frustração.

Bom, o ideal é ter um checklist padrão (lista de itens essenciais) e conferir tudo no dia anterior da corrida e deixar tudo separadinho.

Aqui vai a lista que costumo usar antes das minhas corridas.

  1. Camiseta ou regata para corrida;
  2. Calção para corrida (dica: nunca experimente um novo calção ou camiseta na corrida. faça isso nos treinos);
  3. Camiseta e calção extras para após a corrida (dica: é ótimo poder colocar uma roupa seca depois de chegar encharcado no fim da corrida);
  4. Meias;
  5. Tênis de corrida (dica: nunca use um tênis novo em provas);
  6. Número de peito e os respectivos alfinetes para prendê-lo (dica: vista a camisa no dia anterior e já prenda o número de peito com os alfinetes, assim, se acordar tarde, não vai ficar desesperado tentando prender o número na camisa);
  7. Chip de cronometragem (se ele for fornecido antes da prova);
  8. Boné (dica: bonés são muito úteis na chuva também);
  9. Óculos de sol;
  10. Saco de lixo ou capa de chuva de plástico (em dias frios e com chuva mantém você seco e quente até a hora da largada, depois você pode jogar fora);
  11. Relógio com cronômetro e frequencímetro;
  12. Cinta do frequencímetro;
  13. Dinheiro para emergências (prenda com alfinete na camisa ou no calção);
  14. Luvas (se estiver frio);
  15. Chave do carro ou da moto: prenda no cordão do tênis ou no calção se tiver bolso. Se preferir use uma daquelas cintas de neoprene com porta treco. Ajuda muito.
  16. iPod (ou MP3 player qualquer) e fones de ouvido: se você só consegue correr ouvindo música como eu, esse acessório é importantíssimo;
  17. Protetor solar (use sempre. você vai ficar horas no sol);
  18. Vaselina ou Lubrificante esportivo (dica: passe nas regiões que podem ter atrito. Exemplo: interior das coxas, mamilos, axilas, etc. Isso é essencial para distâncias maiores que 10K. Acredite!)
  19. Papel higiênico: leve um pouco, para evitar surpresas nos banheiros públicos.
  20. Gel de carboidrato (dica: para distâncias maiores de 10K é sempre bom repor os carboidratos a medida que você vai se hidratando);

Espero que a lista ajude! Será que esqueci de algo?

Contagem Regressiva São Silvestre 2009: Faltam 4 dias – O Percurso

Amigos Corredores,

Faltam apenas 4 dias para a mais importante corrida de rua do Brasil, a Corrida de São Silvestre. A largada ocorre no dia 31 de dezembro de 2009 às 16h47 na Av. Paulista, em São Paulo, em frente ao MASP.

A partir de hoje (27/12/09) os kits já começam a ser distribuídos. Saiba tudo sobre a Retirada dos Kits da São Silvestre aqui.

É um bom momento para conhecer um pouco melhor o percurso da corrida.

Veja abaixo o mapa do trajeto da Corrida de São Silvestre que passa por vários “cartões postais” de São Paulo, tais como: MASP, Viaduto do Chá, Teatro Municipal, Vale do Anhangabaú, Av. Ipiranga x Av. São João, etc.

Percurso São Silvestre

Percurso da Corrida de São Silvestre

A mais famosa “pegadinha” da Corrida de São Silvestre, desde que o percurso da prova foi invertido em 1988, é a desafiadora subida da Av. Brig. Luiz Antônio, que se estende pelos últimos 3 Km da corrida.

Assim, fique atento para a altimetria da São Silvestre. Veja:

Altimetria da Corrida de São Silvestre

Altimetria da Corrida de São Silvestre

Não deixe de levar isso em conta ao preparar a sua estratégia para a corrida. Veja que a partir do Km 9 o percurso é quase que inteiramente de subida. Assim, guarde energia na primeira metade da prova, senão vai faltar “combustível” no final. Lembre-se, também, de hidratar-se adequadamente durante todo o percurso da São Silvestre.

Abraços,

Fortes
fortes@podcorrer.com

Cinco Dicas para o Dia da Corrida

starting line

  1. Não é hora de mudar! No dia da corrida não se deve inovar. Nada de experimentar comidas novas, roupas novas, tênis novo, alongamentos diferentes, etc… Nada disso! No dia da corrida mantenha sua rotina.
  2. Use um cronômetro. Controle seu próprio tempo, independente da corrida ter cronometragem oficial ou não. Dispare seu cronômetro somente na hora que cruzar a linha da largada.
  3. Corra pelas tangentes. Não faça os arcos das curvas, cruze-as em linha reta. Não se preocupe. Isso não é trapaça. A medida oficial de distância da corrida é feita dessa maneira.
  4. Evite o congestionamento! Nos postos de hidratação mire uma das primeiras mesas, mas não A primeira. Pegue um dos copos, incline a cabe’xa e despeje o líquido em um dos lados da boca.
  5. Alimente-se após a corrida! Mesmo que não sinta fome após a prova, você precisa de carboidratos e proteínas para iniciar o processo de recuperação. Alimente-se de forma saudável!

Sete Dicas Saudáveis para Começar Bem o Seu Dia

acordando

  1. Ative seus sentidos: ilumine seu quarto com luz suave e com cores, fragâncias, flores e música de seu agrado.
  2. Alongue-se: espreguiçar-se ao acordar é uma excelente maneira de diminuir as tensões nas articulações e aumentar a sua flexibilidade. Imite os movimentos dos gatos alongando a coluna e esticando braços e pernas, um de cada vez. Levante-se lentamente da cama, inspirando lentamente enquanto se alonga e expire ao se contrair.
  3. Faça uma promessa: pense em pelo menos uma coisa boa que fará para você mesmo.
  4. Hidromassagem: use o seu banho matinal, mesmo que seja de chuveiro, para limpar o seu corpo e mente. Mantenha o pensamento positivo, e use a pressão da água quente para estimular os seus músculos.
  5. Café da manhã: alimente-se com uma refeição rica em fibras e que inclua cereais integrais, frutas e proteína com pouca gordura.
  6. Mexa-se: desperte o seu metabolismo e energize o seu corpo. Exercitar-se pela manhã demonstra que você põe a saúde em primeiro lugar e fará com que você se sinta bem durante todo o dia.
  7. Lute contra o torpor matinal: se você não é uma pessoa matutina, evite pensar em muitas coisas ao mesmo tempo. Concentre-se apenas nas tarefas importantes, uma de cada vez. Dê tempo ao seu organismo para que ele esteja pronto para entrar em total atividade.

Retomando os treinos e o blog…

Amigos Corredores,

Lamento pela falta de atualização no blog. Fiquei uma semana sem postar nada. Infelizmente sofri algumas turbulências no aspecto profissional que me fizeram ficar afastado do blog.

Mas vamos em frente! Agradeço muito as mensagens de apoio que tenho recebido.

No que diz respeito a corrida, como citei na semana passada, após um longo jejum de 77 dias retomei os treinos. Estou numa fase bem inicial intercalando caminhadas e corridas leves, mas o mais importante é que não senti nenhuma dor. Parece que a lesão ficou bem curada. Foi muito importante ter dado tempo ao tempo!

Para essa retomada nas corridas decidi me aparelhar bem no que diz respeito aos tênis. Meu tramatologista destacou bastante a importância de ter um tênis adequado a minha pisada (pronada). Na semana passada recebi meu tênis Saucony Progrid Stabil CS que havia encomendado por um amigo que foi para os EUA.

Tênis Saucony Progrid Stabil CS

Tênis Saucony Progrid Stabil CS

Logo que fiz os primeiros treinos com o novo tênis percebi que realmente a pisada fica muito mais estável. Estou ansioso para usá-los em corridas de 10 ou mais quilômetros para ver como se comportam.

O Saucony Progrid Stabil CS é um tênis do tipo “Controle de Movimento” (Motion-Control). Este tipo é  recomendado para corredores com o arco do pé baixo, que tenham um tipo de pisada pronada moderada e severa. Geralmente são mais rígidos, pesados, mas muito duráveis, e têm solado plano para oferecer maior estabilidade e suporte. Corredores com pé chato (como é o meu caso) geralmente se dão melhor com este tipo de tênis. Alguns outros exemplos de tênis “motion control” são:  Tênis Asics Gel Evolution 4, Tênis New Balance 817,  e Tênis Mizuno Wave Renegade 4.

Bom, a medida que for evoluindo nos treinos compartilharei aqui com vocês. Espero que em breve possa voltar a participar de corridas de rua e poder contar para vocês minha experiência nas provas.

Bons treinos!

Abraços,

Fortes

Pergunte ao Treinador (#5) – Como Recomeçar a Correr?

Mais uma edição da seção “Pergunte ao Treinador” do PodCorrer. Para ver todas as perguntas e respostas acesse o endereço: www.podcorrer.com/pergunte. Para enviar suas perguntas, use o formulário de contato, deixe comentários nas nossas páginas ou envie e-mail para o treinador Alberto Bailoni.

Pergunta #5 – 13/outubro/09 – Priscila Arruga (30 anos – 1,70m – 70 Kg)
Moro na Italia e gostaria de recomeçar meu treino de corrida. Estou parada há mais de três anos. Faço caminhadas e excursões nos Alpes, mas não são exercicios regulares. Voltei para uma cadademia faz uma semana e meu objetivo é voltar a correr, primeiro pela saúde e depois, claro, para emagrecer alguns quilinhos. Comecei uma dieta bem balanceada com uma nutricionista.

mulher-correndo

Minha dúvida é: tenho 30 anos, gostaria de saber como posso saber minha frequência cardíaca para alcançar meu objetivo de perder peso. Tenho 1,70 e 70 quilos. Aqui na Itália não sinto muita segurança nos instrutores, estou por minha conta, até nos treinos de musculaçao que me lembro de quando eu fazia.

Outra dúvida é que por estar acima do meu peso tenho umas dores pequenas nos dois joelhos. Nada que me faça sofrer, mas tenho medo de causar problemas futuros com a corrida, apesar de que eu tenho bem claro que devo começar bem devagar. Depois sinto tambem pequenas dores na lombar. Com essas dores posso correr? Mesmo que seja em esteira? Muito obrigada e espero uma resposta em breve.

Resposta do Treinador Alberto Bailloni Neto:
Olá, Priscila! No início, seria ideal você dar prioridade para as caminhadas, no mínimo 30 minutos, para seu corpo se adaptar e a musculatura fortalecer. E como você está com o objetivo de ter saúde e ainda mais com uma dieta balanceado, a perda de peso é consequência.

A literatura científica diz que para a perda de peso, a frequência cardíaca ideal é entre 60 e 75% da frequência cardíaca máxima (220 – idade). No seu caso (30 anos) ficaria numa faixa ideal de treinamento entre 114 e 142 batimentos por minuto (bpm). Mas como essa faixa tem uma diferença grande (28 bpm) você pode treinar de várias formas para ficar dentro dessa faixa ideal!

Em relação a suas dores nos joelhos e na lombar, seria ideal, no início, você apenas caminhar na esteira, pedalar na bike ergométrica, aulas de spinning e fazer musculação para fortalecer os membros inferiores. E após algumas semanas, comece a fazer uns trotes leves alternados com caminhadas. É importante também você procurar um ortopedista especializado em joelho para verificar se tem alguma coisa.

O ideal é procurar um profissional em treinamento para te orientar conforme seus objetivos.

Essas dicas e orientações são do colaborador do blog e treinador Alberto Bailoni Neto. Qualquer dúvida, pode entrar em contato com ele pelo email pessoal: albailoni@gmail.com

Bons treinos!!